segunda-feira, maio 26, 2014

e agora
que fazer
enfim

viver
apenas
viver

agir assim
como pretende
esse poema
simples
bem simples

as vezes faz cócegas
as vezes coça

vezes
sufoca
pira
outras suspira

vezes caminha
outras tropeça
levanta

na seca
venta
levanta poeira
mais baixa

ali na frente
chuvisca
refresca


se doeu
segue
que sara

agora
seu eu
seus eus
só em
si mesmo

segunda-feira, maio 07, 2012

Face a Face
Olho a Olho
Tina
Repleta
Retina

Fina
Fibra
Vibra 
Escorre
Cala
Calha

Folha Fala
Falha a Fala
Navalha na Fala
Fala Falha
Fraca Vala

Aguda
Grave
Cunha
Cravada
No peito

domingo, dezembro 04, 2011

essa
noite

essa
você

essa
frio

essa
sonho

essa
vida

essa
poesia

me
deixa

assim

Esquisito
o azul
se forçar
lilás

se seguir
rosa

laranja
sem passar
pelo vermelho

amarelo
transveste
de verde

este

num tipo
diferente
de azul

no fim
finda
quadro
sobre
você
VAI ENTENDER


O PORQUE E O QUERER DO OLHAR DE SHIVA.
QUAL A PROFUNDIDADE DAS COISAS ?

VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.

A NÃO PRÁTICA DA AÇÃO E O MEDO DA CONSEQÜÊNCIA
QUAL A PROFUNDIDADE DAS COISAS ?

VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.

UM DIA ( AGE ) NA MÃO O OUTRO NA CONTRAMÃO.
QUAL A PROFUNDIDADE DAS COISAS ?

VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.

DIZ QUE NÃO AMA MAIS ADORA NA HORA DA CAMA.
QUAL A PROFUNDIDADE DAS COISAS ?

VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.

TREPA QUE NEM AVIÃO MAS SEMPRE DEIXA A VER NAVIOS.
QUAL A PROFUNDIDADE DAS COXAS ?

VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.

NÃO VALE A PENA
VALE A PEDRA
QUAL A PROFUNDIDADE DAS COISAS ?

VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.

AQUI NÃO HÁ NENHUMA VIRTUDE
SÓ DESEQUILÍBRIOS E VÍCIOS.
QUAL A PROFUNDIDADE DAS COISAS ?

VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.

ENTRA PELA SAÍDA SAI PELA ENTRADA
QUAL A PROFUNDIDADE DAS COISAS ?

VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.
VAI ENTENDER.

já que
não dou
conta do
mundo

quem sabe
dou conta
de mim

quem sabe
consigo
atar e desatar
esse cadarço

sair desse
embaraço

domingo, novembro 06, 2011

A Dançarina
Acrobática
Circense

Lá em cima



Com o céu
Na cabeça

(Tem coisas
que a gente vê
daqui de cima
que ninguém vê)

Onde tudo é

Um rasgo
De solidão

Um movimento
Que nunca
Se
Modela

Move
Tudo
Pensaventos
Sentimentos
Sentidos
Vidas

Tudo
Vibra

Move o
Novelo do
Mundo

Gira mundo
Mundo gira
Gira mundo
Epifania
Epifania
Epifania
Epifania
Epifania
Epifania
Epifania
Epifania
Epifania
Epifania
sinto
muitas
faltas

mas
a
falta

que
mais
faz
falta

é a

falta
que
sinto

da
sua
falta

sexta-feira, agosto 13, 2010

SEM SENTIDO


DIA A DIA

LIMAR

O SOL


DIA A DIA

UMA CUNHA

CRAVADA

NO AR


DIA A DIA

NADAR

NÁUFRAGO

NO MAR